curiosas-sobre-vinho-como-aprender-a-tomar-vinho-para-iniciantes-enquetes-sobre-melhores-para-degustar
Curiosidades

Quais são as 17 Perguntas Mais Frequentes para Quem está Conhecendo o Mundo dos Vinhos?

O vinho, é uma bebida muito conhecida e consumida entre muitas populações de todo planeta, desde a antiguidade até hoje. Desse modo, com o crescimento do consumo do vinho entre diversos povos.

O crescimento da produção aumentou e consequentemente, surgiram diversas marcas, sabores e técnicas em sua criação.

E assim, muitas pessoas apaixonadas por vinho e curiosas, que gostam de conhecer novos sabores, decidem conhecer o mundo dos vinhos. O que facilita para o surgimento de diversas dúvidas.

1- É correto segurar o copo de vinho na parte mais larga do bojo da taça?

É uma dúvida muito constante, não só para quem está conhecendo o mundo dos vinhos, mas para diversas pessoas que estão em busca de aprender mais sobre etiqueta.

Não existe uma regra a ser seguida. Mas, o mais indicado é segurar na haste da taça. Ou seja, a haste é a parte da taça que fica entre o bojo e a base da taça.

Dessa forma, você evita sujar o bojo, o que pode causar alteração no gosto da sua bebida, principalmente quando estiver harmonizando com algum prato ou petisco.

2- Para que serve girar o vinho continuamente na taça?

Muitas pessoas acham chique este movimento, e pode até parecer algo pomposo, mas, na verdade, os movimentos giratórios servem para que a bebida seja oxigenada.

A bebida oxigenada ajuda e facilita para que o seu aroma sobresaia, aumentando a sua intensidade deixando mais fácil de ser sentido pelo apreciador da bebida.

3 – Porque não se deve encher a taça de vinho até a borda?

Quando enchemos uma taça de vinho até quase a borda, as outras pessoas podem sentir que você é mal educado.

Sendo assim, além de ser algo um tanto quanto rude, ao encher a taça de vinho ao máximo, pode dificultar para que você faça os movimentos giratórios com a bebida e com isso derramando e desperdiçando a mesma.

4 – Qual o jeito certo de armazenar o vinho, de qualquer maneira?

Diversas bebidas e alimentos devem ser conservados de forma adequada, conforme o produto necessita.

Um mau armazenamento pode mudar a textura, gosto e até mesmo qualidade do produto e com o vinho não é diferente.

O vinho é um produto que deve ser armazenado de forma correta para que a sua qualidade continue sendo a mesma de quando engarrafada.

O ideal é que o vinho fique em um lugar fresco, sem sofrer movimentações ou trepidações, se possível longe ao máximo da luz (tanto solar quanto artificial) e seja mantido ainda dentro de uma temperatura amena, algo entre 12°C a 24°C.

5 – É correto não decantar o vinho?

Sim, este processo deve ocorrer antes do consumo, mas, tudo depende da quantidade de anos da bebida.

Como por exemplo, para vinhos com 15 anos ou até mesmo mais, é importante que o mesmo seja decantado 30 minutos antes do consumo.

Enquanto, nos vinhos mais jovens, devem ser decantados uma hora ou mais antes de consumir o produto.

6- Acrescentar cubos de gelo na taça de vinho, é errado?

Não existe uma regra a ser seguida, mas, ao adicionar cubos de gelo na taça, quando o mesmo começa derreter, a água se mistura ao vinho.

Quando a água é misturada no vinho, o mesmo modifica o seu aroma, gosto e consequentemente a sua qualidade. Tenha isso em mente antes de fazer isso.

7 – É possível ter apenas um tipo de taça para toda espécie de vinho, espumante e champagne?

É possível sim, mas o mais indicado é que cada bebida tenha uma taça própria. Por isso que vimos diversos estilos de taças. As bebidas funcionam como roupas, dependendo da roupa pode valorizar nosso corpo enquanto outras não.

Sendo assim, as taças podem fazer a mesma coisa com vinhos, espumantes e champagnes. Algumas taças, valorizam a textura, aroma e muito mais enquanto outras desvalorizam.

Desse modo, é possível ter apenas um tipo de taça, mas isso irá desvalorizar suas bebidas, independente da qualidade que elas são. Então, é importante que tenha um estilo de taça para cada bebida.

8- Agitar a garrafa de champagne vigorosamente, é preciso para soltar as bolhas?

Não, a garrafa de champagne não precisa ser agitada no momento de abrir. Isso pode até parecer divertido, mas você vai perder uma boa parte da bebida.

Vemos algumas pessoas fazendo isso em comemorações, para mostrar sucesso em alguma vitória ou conquista mas isso é muito deselegante em eventos festivos e finos.

9 – É correto servir o vinho branco imediatamente após ser retirado da refrigeração?

É importante fazer todo um planejamento e ter um cuidado com o vinho antes de servir aos seus convidados. Todos os vinhos possuem uma temperatura correta para ser servido, independente se é branco, tinto ou rosé e isso deve ser levado em conta.

Se ele está dentro da temperatura especificada para aquele tipo de bebida você pode abrir sem medo e se possível deixar o vinho respirar por instantes para que o oxigênio faça seu trabalho e amplie as qualidades do vinho.

Então, além de tirar a refrigeração, é importante abrir a garrafa de vinho também, antes da chegada dos seus convidados.

Assim, no momento de servir, o seu vinho estará com a temperatura adequada e com um ótimo aroma para ser servido.

10- Deve-se tomar toda a garrafa de vinho de uma vez?

Vinho não é uma bebida de dose e também foi feito para ser apreciado!

Fazer isso, além de demonstrar falta de educação, mostra que você é um tanto quanto egoísta e pode afetar sua reputação de forma negativa.

Saber tomar de forma moderada e apreciativa é algo importante e fazendo isso ganha-se alguns pontos com todos a sua volta.

11 – Para manter a temperatura do vinho na taça, o local correto de segurá-lo na mão é pela haste ou pelo bojo?

A forma mais correta para segurar a taça de vinho é pela sua haste. Pois, quando seguramos a taça pelo seu bojo, além de ajudar a esquentar a bebida, pode prejudicar outros fatores em relação ao aroma, gosto e qualidade da bebida.

12 – Com qual tipo de vinho devemos harmonizar as sobremesas?

O tipo de vinho coringa nessa situação, é o vinho branco e também o espumante. Sendo mais ácido e limpando as papilas gustativas, aflorando o gosto tanto dele quanto da sobremesa.

13 – É correto tomar o vinho tinto imediatamente após ser aberta a garrafa?

É importante deixar aberto por poucos minutos antes do consumo, assim a aromatização se torna melhor e a oxidação realça toda a bebida.

14 – Vinho branco com carne vermelha, é muito errado essa harmonização?

Por incrível que pareça, não, é uma combinação pouco indicada no processo de harmonização, mas, combina com algumas situações. Caso a carne vermelha esteja desfiada e acompanhada de legumes fica ótimo. Além disso, é importante ressaltar que o vinho deve ser de corpo médio.

15 – Harmonizar peixe com vinho tinto, funciona? Não fica pesado pelos taninos?

Não funciona bem e não é muito indicado. A maioria dos peixes não combinam com vinho tinto. Os taninos presentes na bebida quando se encontram com o iodo deixam uma sensação metálica na boca.

Os peixes como bacalhau e salmão são exceções e podem ser servidos com vinhos que possuem poucos taninos.

É melhor não arriscar, pois as chances da harmonização dar errada é grande e isso pode causar transtorno no seu evento.

16- Vinho com tampa de rosca, é bom ou ruim?

Vinhos que com a tampa de rosca, podem ser eficientes no momento de tampar a bebida. Desse modo, dificulta a entrada de oxigênio e garantem que a bebida se torne mais fresca e preservada por mais tempo.

Quanto a qualidade ser menor por se tratar deste sistema de vedação, não se engane, tem muito vinho excelente que usa rosca. Geralmente são usadas para vinhos mais novos e de consumo rápido (não de guarda).

17 – Existe uma sequência certa ou posso servir vinhos de forma aleatória?

Com certeza existe uma sequência correta para se servir os vinhos. Desse modo você deve servir dos mais doces primeiros e depois os mais encorpados.

A sequência incorreta podem dificultar a identificação dos sabores dos outros vinhos e assim, podem se sobressair dos demais.

A ordem mais indicada é:

Dos brancos aos tintos, indo dos mais leves aos mais encorporados, dos mais secos aos mais doces, dos mais jovens aos mais envelhecidos e dos menos alcoólicos aos mais alcoólicos.

É importante que seja seguido a sequência certa. Assim, os sabores não serão prejudicados.

Conclusão

O mundo dos vinhos é repleto de informações e dúvidas a serem sanadas. Sendo assim, existem uma série de informações, para que os vinhos sejam consumidos de forma correta e que o seu sabor e aroma não sejam prejudicados.

Tudo no universo dos vinhos deve ser tratado de forma única, até mesmo no momento de escolher a sua taça.

Assim, sua bebida continuará saborosa, com a qualidade adequada e será saboreada da melhor forma possível.

Referências:

https://food52.com/blog/14567-the-top-5-do-s-and-don-ts-of-drinking-wine

https://www.independent.co.uk/life-style/food-and-drink/wine-drinking-serving-do-dont-alcohol-etiquette-a9087396.html

https://wiselivingmagazine.co.uk/food-and-drink/inspiration/wine-serving-tips-the-dos-and-donts-for-perfectly-served-wine/

Se gostou, por favor nos ajude e compartilhe!