suave-barato-uva-tinto-melhores-vinhos-doces-para-iniciante
vinhos

Vinho Branco Doce: O que Saber para Comprar e Como Harmonizar

O vinho é uma das bebidas mais apreciadas ao redor do mundo, possuindo uma ciência toda sua, a enologia estuda sobre os vinhos desde o seu plantio ao engarrafamento da bebida.

Bebida esta que acompanha a humanidade há séculos, comum em festas e banquetes, utilizado na cozinha e para relaxar após um longo dia ou conversar com os amigos, uma bebida ainda tida como refinada e chique.

Além do vinho tinto, que todos conhecemos, os vinhos brancos tem ganhado espaço, por serem normalmente leves, aromáticos e refrescantes, combinam com aperitivos, refeições e doces.

Mas você sabe como escolher um vinho branco doce? Ou como harmonizá-lo com alimentos e até mesmo na hora de cozinhar? Neste artigo, vamos abordar alguns pontos que podem te ajudar e dar algumas dicas.

O que torna um vinho branco doce bom?

Os vinhos doces possuem aromas marcantes, sua produção é realizada através de métodos especiais para que assim retenha o açúcar das uvas. Podendo utilizar uvas com níveis de açúcar mais elevados ou uma colheita mais tardia.

Colheita essa que garante o amadurecimento completo das uvas, que ficam mais doces. Ou ainda interrompendo o processo de fermentação das uvas acrescentando destilados de uvas.

Trata-se de uma elaboração mais complexa, o que garante a alta qualidade da bebida, no geral qualquer branco pode ser um vinho doce, desde que passe pela elaboração adequada, de acordo com o local e origem do vinho.

É importante não confundir o vinho doce com o vinho dito suave, a qualidade deste é inferior pois justamente na produção do vinho doce, o açúcar é exclusivamente retirado das uvas de forma natural e não acrescentando em algum outro momento de sua produção.

São muito conhecidos como vinhos de sobremesa, por tudo o que já dissemos aqui em relação à sua doçura natural e por terem um teor alcoólico maior, justamente pela maturação das uvas, quanto mais maduras maior é o álcool.

A maior diferença entre este vinho e os demais, está em sua fabricação única, pois como já dissemos o açúcar que dá essa doçura é natural o que também eleva sua qualidade e proporciona um sabor extremamente agradável.

Combina com que tipo de pratos e acompanhamento?

Quando pensamos em vinho com o propósito de acompanhar alimentos, é muito comum esse pensamento ser limitado ao senso comum, massas, carnes, queijos e assim como o vinho tinto, o branco também harmoniza de modo mais agradável ao paladar.

Sua harmonização funciona super bem com o que já citamos aqui, mas o vinho branco doce é uma ótima pedida para acompanhar pratos da culinária asiática e tailandesa, por serem comidas mais apimentadas e agridoces.

Não é necessário ser um grande entendedor de vinhos ou um sommelier para harmonizar vinhos em casa, existem pequenas formas de saber que o vinho combina bem com alguns alimentos e pratos sem muito mistério.

Caso queira apreciar a bebida com alimentos doces, estes devem ser tão doces quanto o vinho branco, pois sua doçura e acidez combinam perfeitamente com sobremesas.

Em caso de alimentos mais salgados, em forma de aperitivos, uma boa pedida são tábuas de frios, baquetes e queijos são uma ótima pedida, os sabores se misturam e ficam acentuados o que agrada muito o nosso paladar.

Como já comentamos aqui, pratos asiáticos combinam muito bem com vinho branco doce e saem do obvio, então experimente com tofus e molhos a base de vinagre também são ótimos devido a acidez de ambos que combinam de forma única.
Carnes leves, acompanhadas de molhos mais agridoces são uma ótima combinação, a culinária chinesa possui uma boa variedade de pratos com essa combinação, por si só é uma culinária deliciosa para quem gosta desse contraste do agridoce e uma bebida doce cai muito bem e de forma agradável ao paladar.

Ele é usado na cozinha para preparar pratos?

O vinho branco é bem conhecido por sua utilização em receitas, tanto doces quanto salgados. Provavelmente o prato mais conhecido que leva vinho branco é o risoto e vamos te sugerir duas receitas para fazer em casa.

Arroz com vinho Branco

Ingredientes:

  • 100g manteiga;
  • 3 xícaras (chá) com arroz arbóreo;
  • 150ml do seu vinho branco;
  • 350ml com água filtrada;
  • 100g de queijo do tipo parmesão e ralado;
  • Folhas de salsinha;
  • 1 unidade de alho-poró picado;
  • Sal e pimenta do reino a gosto.

Modo de Preparo

Em uma panela, coloque a manteiga e espere que derreta, em seguida adicione o alho-poró e foque até que fique com aspecto translúcido, acrescente o arroz, sal e a pimenta do reino e deixe refogar por 3 minutos, acrescente as 150ml do vinho branco e refogue tudo até que o álcool evapore.

Acrescente aos poucos a água e deixe o arroz cozinhar sempre agitando com uma colher, em fogo médio por aproximadamente 15 minutos, ou até ao arroz ficar pronto, desligue o fogo e aguarde 5 minutos, acrescente o queijo parmesão a salsa e misture bem. De preferência sirva o arroz quente.

Gelatina de Vinho Branco

Ingredientes:

  • 3 gelatinas incolor e sem sabor;
  • 1 garrafa (750ml) de vinho branco;
  • 4 xícaras com água filtrada;
  • ¾ de xícara com açúcar;
  • 6 cravo da índia;
  • 5 anis-estrelado;
  • 4 paus de canela;
  • erva-doce.

Modo de preparo

Primeiro faça um chá de erva doce, deixe ferver e desligue o fogo, tampando o recipiente utilizado para deixar o chá em infusão por aproximadamente 5 minutos. Coe o chá e reserve.

Em uma panela, coloque o vinho e as especiarias e leve ao fogo alto, quando começar a ferver, abaixe o fogo e tampe a panela e deixe cozinhar por aproximadamente por 2 minutos, coe as especiarias e misture o líquido ao chá que reservamos.

Com a mistura de chá e vinho com especiarias, prepare a gelatina como as instruções pedem, mexendo até que a gelatina dissolva completamente. Coloque em uma travessa de sobremesa e deixa esfriar na geladeira por no mínimo 4 horas.

Referências:

https://blog.vinfolio.com/2019/09/20/the-ultimate-guide-to-top-rated-sweet-white-wines/

https://wine.lovetoknow.com/types-wine/list-sweet-white-wines

http://frenchscout.com/types-of-white-wines

Se gostou, por favor nos ajude e compartilhe!