zinfandel-wine-vinhos-californianos-bons-e-baratos-carnivor-pinot-noir-apothic red
vinhos

Vinhos Californianos Mais Famosos e Suas Histórias

Conheça a história por trás dos vinhos californianos

Em meados do século XVIII, colonizadores espanhóis desembarcam em San Diego para as primeiras Missões. Em 1769, as primeiras videiras estavam sendo plantadas.

Com o tempo, os colonos foram abrindo caminho rumo a San Francisco, na direção norte do estado. Onde quer que fossem, eles plantavam videiras.

Dessa maneira, devido à relação com o mundo religioso, a primeira uva cultivada em território californiano recebeu o nome de “Mission Grape”.

Em 1857, foi fundada a primeira vinícola por Agoston Haraszthy, um húngaro que transformou e inovou toda a natureza da produção e do comércio de vinhos da região.

Porque California e Napa Valley?

A Califórnia possui um clima privilegiado: o sol brilha durante o ano inteiro e isso é extremamente favorável para a cultura do vinho.

A iluminação natural e direta proporciona garantia de crescimento para as uvas ao longo do ano.

Além disso, a diversidade do terroir californiano possibilita o cultivo de variadas castas e a larga extensão da costa litorânea proporciona uma refrigeração natural da brisa, com a presença da névoa, favorecendo o crescimento de espécies que apreciam o frescor, como a Chardonnay e a Pinot Noir.

Já as vinhas de Cabernet Sauvignon e Merlot, por exemplo, se estendem ao longo das colinas, onde podem usufruir da incidência solar direta.

Napa Valley, por sua vez, é uma região de grande importância na produção vinícola californiana: concentra uma quantidade mundialmente imbatível de vinícolas, além de produzir uma bebida de altíssima qualidade.

Já que há uma combinação de uma série de fatores que favorecem a excelência das frutas dessa localidade: o clima mediterrâneo, a geografia, a geologia em si, que é a composição variável do solo, que vai da areia às cinzas vulcânicas, passando pela argila, granito, cascalho e outros mais.

Quem foi Steven Spurrier e como ele mudou os vinhos californianos?

Ele foi um inglês, o grande organizador e idealizador do Julgamento de Paris, em 25 de maio de 1976.

Inicialmente, o objetivo deste evento era simples, claro e direto: mostrar os produtores que haviam sido recentemente descobertos na Califórnia, os quais possuíam pouca ou nenhuma visibilidade diante do público consumidor.

Porém, tal julgamento acabou gerando mesmo uma inesperada reviravolta na história mundial do vinho, foi um fato tão inesperado que tornou-se inspiração para filme e livro.

Os vinhos californianos receberam nessa ocasião pontuações melhores do que as dos até então sagrados e consagrados exemplares franceses, algo totalmente fora de cogitação para essa época.

Foi uma total quebra de padrões estabelecidos e, ainda por cima, em fora do território americano, com a presença de críticos franceses e ingleses, o que certamente propiciou maior credibilidade ao acontecimento.

A partir daí, a reputação californiana de vinhos mudou para sempre!

Quais são as principais uvas cultivadas na California?

Há aproximadamente uma centena de tipos de uva cultivados nessa região, entre eles Merlot, Chardonnay, Pinot Noir e Tannat.

Todas são originárias da região de Bordeaux, na França, com exceção das uvas Zinfandel, que são típicas dessa região dos Estados Unidos, cultivadas desde o século 19 e reconhecidas como patrimônio nacional, em razão da sua importância histórica.

Vale destacar também o cultivo em larga escala da Cabernet Sauvignon, que é mundialmente conhecida como a “Rainha das Uvas”, por ser unanimidade entre os apreciadores.

Quais são as características das uvas Zinfandel?

Uva típica das altas temperaturas e das regiões secas, a Zinfandel é cultivada na Itália, nos Estados Unidos e, em menor escala, na África do Sul, no México e na Austrália. No entanto, é na Califórnia mesmo que ela é prestigiada e reconhecida como patrimônio cultural.

Sendo banhado pelo Oceano Pacífico, o estado da Califórnia é caracterizado por verões ensolarados e brisa oceânica, o que certamente promove um frescor natural.

Isso se reflete no sabor mais adocicado das frutas o que, durante o processo de vinificação, leva à produção de vinhos com alta graduação alcoólica (cerca de 15%).

Essa é uma uva com sabor forte e variável: quando jovem apresenta nuanças de morango, à medida que vai amadurecendo adquire um sabor mais adocicado, como o de uma amora ou cereja.

Pode-se também perceber em seu sabor toques de especiarias, como pimenta-do-reino, cardamomo, dentre outras.

Alguns Rótulos que Recomendamos

Aqui, iremos falar de modo mais genérico e abrangente, pois não é possível citar meia dúzia diante de centenas de exemplos incríveis com tantas espécies diferentes de uvas.

  • Opus One – Safra 2016
    Uma bebida com vários prêmios internacionais. Um dos melhores do mundo, trata-se de um blend das uvas Cabernet Sauvignon, Merlot, Malbec, Cabernet Franc e Petit Verdot, todas provenientes de vinícolas do Napa Valley.

    Esse produto possui a união do Velho Mundo (Domaines Barons de Rothschild) e o Novo Mundo (Robert Mondavi, renomado produtor do Napa Valley).

    Custa cerca de R$7.000,00.

  • Fox Brook Chardonnay 2019
    Sua cor é amarelo opaco com reflexos verdes, possui sabores frutados de maçã e pera e um toque de mel.

    Um vinho agradável, com boa acidez e final macio.

    Preço: cerca de R$90,00

  • Vinho de Loach Zinfandel 2019
    A cor é rubi brilhante. Possui aromas frutados de morango e cereja, além de especiarias.

    Vinho robusto, com taninos firmes e final persistente. Essa bebida se tornará mais potente com o passar dos anos, mas pode ser consumida desde já.

    Custa cerca de R$180,00

Existem vários outros rótulos igualmente imperdíveis e tentadores. Pois a verdade é que há um mundo de sabores nas vinícolas da Califórnia! Permita-se experimentar novos sabores!

Referências:

https://www.butterfield.com/blog/2018/04/10/top-11-california-wines-must-try/

https://www.jancisrobinson.com/learn/wine-regions/usa/california

http://www.the-buyer.net/tasting/wine/best-new-wave-california-radar/

Se gostou, por favor nos ajude e compartilhe!